Como retirar etiquetas termoaderentes?

As etiquetas termoaderentes são etiquetas personalizadas com nome que se aplicam com o ferro de engomar nas peças de roupa que se pretende identificar. Por ficarem fixas às peças de roupa são resistentes às lavagens na máquina e às idas à máquina de secar.

Com o uso cada vez mais alargado destas etiquetas termoaderentes para identificar as roupas e os uniformes em ambiente escolar começou a surgir esta questão : Como retirar etiquetas termoderentes das peças de roupa depois das peças deixarem de servir?

Quando começamos a receber esta questão na nossa caixa de email, confesso que ficamos um pouco confusos. O que pensavamos era : “Então se fizemos um esforço tão grande para encontrar um produto resistente e durável, que se mantivesse fixo às peças das roupas durante as lavagens por que é que agora nos perguntam como as retirar?”

E foi então que percebemos, que é precisamente por as etiquetas termoaderentes serem duráveis e resistentes que existe essa dificuldade em retira-las quando já não são úteis.

Em que situações é necessário retirar estas etiquetas das roupas?

  • Roupas que passam de um filho para o outro ou para outros familiares.
  • Uniformes escolares que voltam para a escola quando deixam de servir de forma a poderem ser reutilizados.
  • Quando se quer doar as roupas e não se quer entregar as roupas etiquetadas com informação pessoal.

Como remover as etiquetas termoaderentes?

Vamos indicar 3 formas de ultrapassar este problema, mas antes de continuar convém salvaguardar que os testes que fizemos foram realizados apenas com etiquetas termoaderentes da marca Tiketa.pt. O mais certo é que as etiquetas termoaderentes de outras marcas tenham comportamentos semelhantes, mas não conseguimos garantir.

1 – Remover com o calor do ferro

Esta foi a nossa primeira tentativa para retirar etiquetas termoaderentes. Colocamos o ferro na temperatura máxima e fomos “raspando” na etiqueta com a extremidade superior do ferro (sem o pousar), de forma a que a etiqueta fosse derretendo e descolando do tecido. Não é garantido que funcione com todos os tipos de tecidos têxteis pois alguns não aguentam a temperatura máxima do ferro de engomar. Assim, tenham em especial atenção para não danificar o tecido onde está aplicada a etiqueta. No exemplo da foto retiramos uma etiqueta termoaderente grande da parte da frente de uma bata escolar. A bata ficou perfeita para ser usada por outra criança.

Remover etiquetas termoaderentes

2 – Limpar o conteúdo impresso nas etiquetas

Se a única preocupação é a de não passar informação pessoal para o novo dono da peça de roupa então a solução mais prática e rápida é limpar o texto impresso nas etiquetas. Assim, fica a etiqueta em branco que até poderá ser utilizada pelo novo dono para colocar o seu nome com uma caneta de acetato. Só precisam de álcool e de um guardanapo/papel de cozinha/etc. onde possam embeber o álcool e limpar a tinta.

3 – Remover a etiqueta com álcool.

O álcool, para além de limpar o texto, também é um excelente auxiliar na remoção da etiqueta. Com a ajuda de um esfregão/pano é possível embeber a etiqueta em álcool e ir esfregando até a etiqueta sair totalmente.

Cada método acima descrito envolve o risco de danificar as peças. Tenham em conta as características de cada peça antes de escolher o método de remoção a utilizar.

Outra solução para contornar o problema e que é muito utilizada é a colocação de uma nova etiqueta por cima da antiga.

Podem obter mais informações sobre estas etiquetas no site Tiketa.pt .

Deixe um Comentário